7 de fevereiro de 2012

É 2012! E quem sou eu??

Bem, estamos no meio de fevereiro, mas venho desejar que esse seja um ano muito feliz a todos que por acaso venham dar uma olhada neste bloguezinho simples, de uma futura farmacêutica.
Meu namoro terminou, e agora é oficial...Fazer o que, não posso fazer feliz alguém e estar "infeliz"
Esse meu coração que só agora se decidiu...rsrs...Vai esperar fechado por um bom tempo aquele que tanto quer...
Eu as vezes quero falar de mim...mas não sei direito, é difícil descrever quem sou...To passando por conflitos internos, tá meio complicado....Bem!

Sou alguém que se conhece de dentro pra fora, posso até ser bonita por fora, mas minha verdadeira beleza está na essência do meu ser. Tenho sonhos, muitos sonhos, que se for da vontade de Deus serão realizados...Mas sei onde o braço pode alcançar e nenhum deles é uma utopia...Vivo cada momento e eternizo todos aqueles que quero lembrar mais pra frente, tropeço muito, as vezes em mim mesma, em pedras  que eu joguei no caminho...Mas aí eu levanto e sigo em frente. Gosto esse dom que Deus nos deu de podermos guardar tudo aquilo que vale a pena, e esquecer coisas bobas do dia-a-dia. Deixo que as pessoas, falem, especulem e até mesmo me julguem, não devo nada a ninguém, e estou em paz comigo mesma. O que os outros acham, não me importa a não ser que sejam de pessoas que eu amo, porque minha salvação não depende do que os outros pensam de mim, mas sim o que Deu sabe a meu respeito.
E se preciso for me reinvento... Sei muito bem quando o que sangra e fere dentro de mim não deve ser jogado pra fora... Muitas vezes estou dilacerada por dentro, e esbanjando alegria por fora... Falsidade? Força? Não... Apenas acredito que temos que lidar com situações diferentes e pessoas diferentes, não são todos que devem ver minhas lágrimas... Melhor que vejam meus sorrisos...
Sim...sou complexa, adoro estudar e tenho dificuldade de aprendizagem, por isso meus familiares me acham meio nerd. Sou mulher com cara de menina, não entendo piadas simples e adoro rir daquelas piadas sem graça...Me perco e me acho diversas vezes. Sou boba, mas não sou burra, ingênua mas não tanto, so pessoa de riso fácil, adoro sorrir e dar segundos de alegria pra alguém...
Chorar? Não sou muito de chorar na frente dos outros, prefiro meu ursinho ou mesmo o travesseiro de consolo... Ainda mais quando se precisa muito de alguém que não pode estar ali, nem para te dar um simples abraço...é a vida, quem sabe outro dia!


Falar de si próprio não é fácil...se abrir assim como eu fiz agora também não... Mas há momentos em que é preciso desabafar, para o seu mundo interior não desabar por completo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário